logo.png
  • Cardoso Júnior

A Mentira – EUA-2020


Partindo do assustador filme alemão, Wir Monster ( 2015), a diretora e roteirista Veena Sud constrói um remake contando com elenco mais que interessante que inclui a ótima Joey King ( The Act) e o sempre bom Peter Sarsgaard ( Educação-2009), e Mireille Enos ( Don't Worry, He Won't Get Far on Foot- 2018) que pretende enveredar pelos caminhos dos suspenses / mistérios e até consegue bons momentos de tensão dentro de uma realização que peca na construção.

A direção faz uma opção funcional pelos planos bem fechados que aproximam o espectador dos personagens comprometendo-o com o desenvolvimento do roteiro replicando e transferindo com competência o incômodo situacional para nós construindo as bases de um drama psicológico que, ao não se aprofundar nos meandros emocionais das personagens, perde a oportunidade de apresentar um mínimo esboço sobre os componentes da família disfuncional epicentro da ação.


É a falta desse textual estofo dramático que prejudica o conjunto de atuações que acabam em performances exageradamente lacrimais que prejudicam a imersão mais profunda num tipo de suspense que ampara-se por demais no seu plot twist final que se não é de todo previsível é, para cinéfilos mais experimentados, totalmente deduzível.


Assim, #TheLie, com sua promessa inicial de abordar as entranhas do amor familiar diante de um crime hediondo, transforma-se em apenas mais um entretenimento fugaz que salva-se por Joey King e pelos velozes 90 minutos de duração.




TRAILER




Ps1: Disponível no catálogo do Prime Vídeo