logo.png
  • Cardoso Júnior

APOLLO 11- EUA-2019

Atualizado: 20 de Ago de 2020


Buzz Aldrin, Michael Collins e Neil Armstrong são nomes que, quem luta tanto pela divulgação da cultura, tem gravados na memória por serem personagens da mais fantástica, incrível e quase indescritível História da Humanidade, já que, dois deles, ao darem apenas um único passo, propiciaram aos seres deste planeta o maior salto na evolução e conquista humana e serão lembrados para sempre como super-heróis investidos com superpoderes de calma estrema, destreza incomparável e coragem imbatível. Conhecem, não? Claro que sim! É história!

E é esse feito, que mais se aproxima de um filme ficcional, tamanha envergadura e audácia que o diretor Todd Douglas Miller, após sua saga pessoal de “encontrar” e recuperar incríveis imagens que ficaram “esquecidas” por quase 50 anos e digitalizá-las, apresenta-nos em um documentário espetacular pela incrível montagem, original, abordagem e recuperação histórica louvável.

Desde o preparo da missão, o gigantismo do maquinário, a altura impressionante do foguete Saturno V, a tensão constante durante cada etapa da missão nas salas de controle em Houston e a expectativa das multidões (onde muitos reconhecerão, avós, pais e a si mesmos), são mostrados para o cada vez mais impressionado expectador sem usar o recurso narrativo tradicional deixando que as portentosas imagens falem por si só, acompanhadas de trilha sonora mais que pertinente e até deliciosa.

Muito embora a contextualização da epopeia não seja didática, afinal qualquer estudante do primeiro grau a conhece ou deveria, a extraordinária produção da CNN Films lançada no Festival de Sundance/19, não foca na corrida espacial apostando seus curtos noventa minutos na magnitude das imagens registradas, nos curtos mas explícitos gráficos explicativos, na edição de imagens, na sincronização das comunicações entre controladores e astronautas em julho de 1969 e que só agora o mundo tem acesso.

Com tamanha relevância histórica, é de se lamentar o descaso das distribuidoras brasileiras diante de material tão valioso, mas assim que ganhar o #Oscar/2020 de Melhor Documentário, (vaticino isso aqui e agora), espero que deem ao público brasileiro, tão reivindicador de cultura, a exponencial oportunidade de conhecer detalhes da maior conquista de todos os tempos que prova o quanto o homem é capaz de coisas grandiosas e, sim, a Águia pousou!

#Apollo11 , irá te deixar tenso, impressionado, emocionado e aplaudindo de pé!

Ps1; Disponível em VOD

TRAILER

#Sundance #Oscar2020 #Documentário #EUA #Análise