• Cardoso Júnior

1964-O Brasil Entre Armas E Livros- Brasil-2019


O hiper polêmico documentário que atingiu mais de 1 milhão e meio de visualizações em um único dia, o maior relato já feito no Brasil sobre o período do regime militar, produzido pela Brasil Paralelo (empresa privada especializada em conteúdos históricos com projetos financiados por compra de assinatura sem dinheiro público), é nitroglicerina pura pela coragem de pautar um tema tão sensível e, lamentavelmente ainda atual.

Abrindo com uma pertinente e nada discutível contextualização do momento histórico, pós Segunda Guerra Mundial, no qual o mundo todo estava refém da chamada Guerra Fria e, utilizando-se de um tom próximo ao professoral com direito a slides e inserções de animações gráficas que, embora cabíveis no preâmbulo, deixa o roteiro um pouco longo, leva a narrativa ao seu real ponto de partida: A “descoberta” de documentos do serviço de inteligência do leste europeu.

É a partir deles que o enredo vai “explicando” o cenário político e social brasileiro, não só através de depoimentos de pessoas que vivenciaram o período ou o estudaram profundamente bem como através de ampla e até fartas fotos, áudios e ilustrações de manchetes dos principais jornais da época apresentando para o expectador um respeitável trabalho de pesquisa historiográfica e com muito cuidado para não cair nas armadilhas do tendencioso e nem mesmo do sensacionalista.

Com um genuíno cuidado em “avaliar” erros e acertos, #1964OBrasilEntreArmasELivros trabalha detalhadamente entre causas e efeitos, fatos e relatos, mantendo imparcialidade jornalística de um conteúdo polêmico sem tender para uma ode à ditadura ou a execração dela, mantendo em seu cerne a revelação de como o Gramscismo, ao abandonar as conquistas pelas armas, investe na manutenção do poder do Estado adotando a tática da doutrinação das sociedades ocidentais infiltrando-se nas instituições culturais para reescrever a história à sua conveniência.

Particularmente entendo que é natural que provoque aguerrida polarização em um momento universal de fragmentações e bi partidarismos, mas nada mais justo e salutar promover amplo debate sobre a história do Brasil uma vez que toda moeda tem que ter duas faces.

É pra ver, rever e refletir!

Ps 1: Disponível no Youtube

TRAILER

#Brasil #Documentário

0 visualização