logo.png
  • Matheus F.

QUERIDO Basquete - EUA - 2017

Atualizado: Ago 5


Kobe Bryant, você o conhece? Se sim certamente como um renomado jogador de basquete. Mas certifique-se de mencionar indicado ao Oscar em 2018 quando você falar sobre ele a partir de agora, pois Dear Basketball, curta de animação baseado no poema que Kobe escreveu para anunciar sua aposentadoria, está na briga pela estatueta, e digo merecidamente.

Com animações visualmente marcantes, utilizando desenhos e traços fortes aparentemente feitos a lápis, obra do veterano da Disney, Glen Keane, que nos levam, embalados por uma ótima trilha sonora, desde o garotinho de oito anos brincando com arremessos em seu quarto até o fenômeno da NBA.

Mas se, ambas, animação e história não agradam, de onde vem esta indicação? Pincipalmente se considerarmos e lembrarmos das acusações de estupro em que o jogador foi acusado em 2003 e o quão controverso isso poderia ser em tempos de #MeToo e #TimesUp. Bem, podemos tentar um exercício. Retire todo o glamour e história do personagem principal, o que sobra, e ainda de maneira sublime é uma história universal. Afinal, todos começamos com crianças em nossos sonhos e, sendo esperançoso, essa é a história por trás de Dear Basketball, uma linda lembrança de que, com trabalho e oportunidades, você também pode alcançar seus sonhos.





#Oscar2018 #Análise #Curta #Animação