top of page
logo.png
  • Foto do escritorFábio Ruiz

Alex Rider – Inglaterra – 2020


#AlexRider, série baseada nos romances de Anthony Horowitz, especialmente no Point Blanc, é um ótimo prelúdio, em sua primeira temporada. Imbuída, para os desconhecedores dos livros, de premissas relevantes, que estabelecem pontos primordiais ao entendimento da trama. Apesar de não ser fiel aos livros, a série traz todos os elementos que agradam o público jovem, muita ação e conflitos juvenis, que são muito bem entremeados à temática de espionagem. A temporada cumpre a missão de pavimentar o caminho para novas aventuras e temporadas.

A direção é muito boa, bastante coesa entre os episódios, especialmente nas sequências de ação. O elenco é o seu ponto forte, com a ótima escolha de Otto Farrant, como Alex, mas todo o grupo é coeso, dando um tom levemente exagerado, pertinente ao texto original. A fotografia é excelente, especialmente nas cenas na neve e noturnas, a música adiciona tensões e suspenses no tom certo, cenários e figurinos são muito bem compostos, e a edição é muito bem realizada.

Alex Rider, revitaliza a personagem de Anthony Horowitz, desta vez em um formato mais adequado aos romances originais, com dramaturgia muito bem elaborada e consistente com seus precursores. Vale muito assistir.





TRAILER


Kommentare


bottom of page