top of page
logo.png
  • Foto do escritorAcademia de Cinema

The Undoing - EUA-2020


Criado por David Kelley, dirigido por Susanne Bier, é mais um excelente seriado exibido na HBO, que costuma nos oferecer ótimos documentários e séries.

Em seis episódios, conta a desconstrução(undoing) do casamento da psicóloga Grace (Nicole Kidman) e do on-cologista pediátrico Jonathan (Hugh Grant). Roteiro muto bem feito, com altos e baixos e surpresas até o final sur-preendente (pelo menos para mim!) com uma reviravolta muito bem bolada.

O que mais gosto em qualquer produção é o desempenho dos atores. Foco mais nisso do que em qualquer outro aspecto do filme ou série.

Nicole Kidman, esbelta e elegante, boa atriz, um pouco prejudicada pela plástica que a deixa com o famoso “bico de pato" e afeta as suas expressões faciais. Mesmo assim, o olhar continua expressivo.

Hugh Grant envelheceu bem, está um "coroa" muito charmoso, mas, como ator, achei um pouco careteiro demais. Donald Sutherland, como o pai de Grace, competente como sempre. Lily Rabe num papel que será decisivo para a trama. A família Elena, Fernando, Miguel com bons atores (Elena é belíssima, o que explica muita coisa)

E a cereja do bolo, a atuação do "filho" de Grace e Jonathan, o garoto Noah Jupe, de 15 anos, que embora inglês, fala como um perfeito americano. A atuação está no sangue. Noah é filho da atriz Katy Cavanaugh - Jupe, do famoso novelão britânico Coronation Street.


Não poderia finalizar o meu comentário sem mencionar a canção tema da série, belíssima, "and in your dreams, whatever they be, dream a little dream of me".

Vale muito ver!




TRAILER



Comentarios


bottom of page