• Academia de Cinema

Michael - Áustria – 2011


Um trabalho duro, seco, que acompanha o cotidiano do personagem em sua diabólica monotonia e não espetaculariza o tema pedofilia. É como se o filme quisesse dizer: por mais incômodo que seja, precisamos conhecer essas pessoas, sob o risco de continuarmos a falhar ao procurarmos apenas demônios com chifres.

TRAILER

#Europa #Análise

0 visualização