logo.png
  • Cardoso Júnior

A Espiã que Sabia de Menos - EUA- 2015

Atualizado: 15 de Ago de 2020


Caso você ponha na cabeça que pelo título e pela sempre deliciosa presença de Melissa McCarthy, nada deverá ser levado a sério, você poderá gostar dessa paródia sobre espionagem. Aqui, o enredo e tudo o mais tende ao over, ao super over, no longo tempo da produção e, inclusive, nos palavrões cabeludos, nos takes picantes (sem o ntes), tudo para você rir de situações totalmente inverossímeis com direito a ratos no decote e morcegos na cabeça. Em muitos momentos esses artifícios funcionam muito bem, em outros nem tanto. É bem possível que você esboce muitos sorrisos e, até, encontre algumas gargalhadas dependendo do seu humor no momento. A hilária Melissa McCarthy, como protagonista absoluta, não tem um personagem tão “feliz” como em “Missão Madrinha de Casamento”, mas é óbvio que se sai muito bem na empreitada enquanto o restante do elenco lhe dá um ótimo suporte. Enfim, “Spy”, cumpre com o que promete: entreter pelo exagero e esquecer, mas isso fica por conta do freguês.

TRAILER

#Hollywood #Análise