• Academia de Cinema

Terra Estranha - Austrália-2015


Eis um trabalho intrigante pela boa mistura entre drama e suspense amparado por boas interpretações, principalmente, a de Nicole Kidman.

Há nele umas simbologias interessantes (como a tempestade de terra), que suja tudo e todos na medida em que os dramas familiares vão se expondo e adensando. O potencial dramático da narrativa, em paralelo com a inóspita terra e cidade perdida num recanto Australiano, funciona para atingir um pico de inquietude, uma atmosfera pesada e angustiante que provoca curiosidade pela origem e entendimento dos conflitos.

Tudo vai muito bem dentro da narrativa até que, “resolve-se”, inserir um contexto de suspense investigativo onde, algumas falhas grotescas do roteiro (não rastrear uma ligação telefônica?), começam a desapontar e a preconizar que, a coisa toda periga perder o rumo. E, não da outra! A opção por criar um final explicativo “artístico” é um verdadeiro desastre nos deixando com a sensação de que o filme zombou de nós, nos prendeu e de que nunca mais iremos recuperar às duas horas perdidas.

TRAILER

#Austrália #Análise

5 visualizações